Por que você não deve esperar seu passaporte vencer para tirar um novo

por

Um dos erros mais comuns que um viajante (até, por algum motivo, os mais experientes) pode cometer é não dar a devida atenção à validade do seu passaporte. E este cuidado deve ir além da data em que ele expira. Deve estar atrelado também às regras do destino que ele vai visitar.

Com exceção dos Estados Unidos, que permitem você passar pela imigração com o passaporte válido no dia da entrada, os demais países exigem que o documento apresente prazo validade de no mínimo seis meses. Em alguns casos, a contar da data de entrada, em outros, a partir da data de saída dos seus territórios.

Assim sendo, jamais, mas jamais mesmo, espere seu passaporte vencer para providenciar um novo. Digo um novo, pois como muita gente costuma dizer por aí, “eu preciso renovar meu passaporte”, a renovação desde documento não existe.

Na verdade, o que ocorre é que você terá que pedir um novo, e isto vai requerer que siga todo o procedimento exigido para emitir o anterior.

Inclusive o prazo, que dependendo da demanda do posto de atendimento da Polícia Federal no qual você fizer a requisição, pode passar dos 10 dias úteis. É que além do movimento normal, como o processo envolve outros órgãos (fabricante da caderneta e empresas entregadoras), pode haver aumento desta previsão.

Tire suas dúvidas sobre passaporte aqui.

Dessa forma, a fim de evitar que você compre as passagens e na última hora descobra que não poderá viajar porque o prazo de validade do seu passaporte não será aceito naquele país ou, ou ainda mais grave, saber disso quando chegar na imigração do seu destino e ter que voltar perdendo todo o dinheiro gasto na viagem, minha recomendação é quando faltar sete meses para o seu vencimento, providencie logo um novo.

Embora a Polícia Federal, informe em seu site, que você poderá utilizá-lo regularmente até a data de vencimento constante na caderneta, não espere seu passaporte expirar, achando que só porque ainda está válido em território nacional também será aceito lá fora.

Enquanto há países que contam, para permissão da entrada de turistas, a validade do passaporte a partir da data de ingresso em seu território, outros a contabilizam a partir da data de saída. Portanto, é bom não vacilar!

Lembrando, ainda que esses prazos de validade são relativos à data de vencimento do passaporte e não à data de expedição do mesmo.

Países e as exigências com a validade do passaporte

Abaixo, eu mostro, entre os países mais buscados pelos brasileiros, como eles tratam a questão da validade do passaporte. No entanto, vale uma ressalva: as regras mudam muito, então pode até ser que quando você vir a ler este post, alguma coisa tenha isso modificada.

Portanto, a regra é clara: antes de viajar, é preciso consultar a embaixada ou consulado do seu destino para manter-se atualizado.

Não dá para, depois de tanto planejamento para viajar, colocar tudo a perder por causa desse detalhe.

Validade durante o período de viagem

Estados Unidos.  Isto porque, desde que o Brasil começou a fazer parte do chamado “Six Month Club”, para entrar em território norte-americano, os viajantes brasileiros só precisam que seus passaportes estejam válidos durante todo o período da viagem, sem prazo “extra” de validade.

Um mês a partir da data de saída do país

África do Sul.

No mínimo três meses a partir da data de saída do país

Nova Zelândia, Panamá e os países da União Européia signatários do Tratado de Schengen. Veja a relação dos países integrantes desse tratado aqui.

Pelo menos seis meses a partir da data de saída do país

Austrália, Canadá, México, República Dominicana, Reino Unido, Irlanda, China, Índia, Japão, Marrocos, Rússia, Tailândia, Turquia e Vietnã.

Países da América do Sul

Os brasileiros normalmente não precisam se preocupar, pois a maioria dos países sul-americanos não exige passaporte dos turistas brasileiros, apenas o documento de identidade. No entanto, deve-se ficar atento a outras exigências, como a comprovação da vacina de febre amarela, por exemplo.

Mas, atenção! Você não pode embarcar com carteira de motorista, e o RG também precisa ter foto recente, em que você esteja reconhecível.

Não vale o primeiro da infância. O ideal é que o documento tenha sido emitido nos últimos dez anos.

Mas atenção! A aceitação do RG como documento de viagem é decidida ao bel prazer de quem tem o poder de deixar você passar ou não.

Desde o funcionário do check-in da companhia aérea (que pode alegar que o documento está muito velho) até o oficial da fronteira do país A com o B.

Por isso, sempre viajo com meu passaporte mesmo para os nossos vizinhos e, para isso, tenho o cuidado para que ele esteja válido por no mínimo seis meses da data do vencimento.

O que eu recomendo

Sempre solicite um novo passaporte antes de seis meses do vencimento, a fim de poder estar apto a viajar a qualquer país.

Viaje sempre com o seu passaporte. Mesmo que seja para os países da América do Sul.

Um passaporte dentro da validade nunca é questionado.

Um passaporte com carimbos vale mais na hora de você passar por uma imigração na Europa ou pedir visto pros Estados Unidos.

Por fim, vale ressaltar que essas regras se aplicam somente a viagens a turismo.

Quem viaja com objetivo de negócios, estudos ou outras finalidades, a exigência de validade do passaporte costuma ser outra.

Nesses casos, é importante consultar a empbaixada ou consulado do seu destino.

Para qualquer informação sobre regras e obtenção de vistos, sugiro que você consulte o nosso parceiro ForVistos, que poderá lhe dar orientações mais atualizadas.

E por favor, ao solicitar a orientação da Forvistos, não esqueça de informar que chegou até eles por meio do Blog Andarilho. Você não vai pagar nada a mais por isso e ainda ajudará a manter o nosso trabalho.

Passo a passo para solicitar o passaporte

 

Prazo de validade do passaporte

 

  1. O processo de solicitação de passaporte inicia com o acesso ao site da Polícia Federal,  onde deve-se selecionar a aba “Passaporte”.
  2. No menu que se abre, selecione a guia “Documentação Necessária” e leia atentamente, para certificar-se de que possui todos os documentos necessários.
  3. Ciente de que possui toda a documentação original necessária, clique em “Requerer Passaporte” e posteriormente em “Emissão do passaporte“.
  4. Preencha o formulário com seus dados e ao final clique em “IMPRIMIR”, para que seja gerada a GRU (guia de recolhimento da união).
  5. Efetue o pagamento da GRU.
  6. Somente após compensação da GRU será o possível agendar o atendimento para um dos postos. Essa compensação pode demorar entre 24 e 72 horas.
  7. Para agendar, selecione a guia “Agendar Atendimento” do menu citado no item “2” acima.
  8. Após agendar seu atendimento, reúna toda a documentação necessária, e compareça ao posto escolhido no dia e horário marcados.
  9. É obrigatória a presença do requerente no posto escolhido, inclusive menor de 18 anos, tanto no dia agendado quanto, posteriormente, na data de retirada do passaporte pronto, tendo em vista que o procedimento envolve coleta/conferência de imagem facial e de impressões digitais, quando for o caso.

 

Gostou desse post? Ele foi útil para você? Então, que tal compartilhar com seus amigos nas redes sociais? Os botões de compartilhamento estão no início e no fim do texto. Também dá para encaminhar por e-mail e mandar pelo WhatsApp (se você estiver usando um celular).

Quer sempre ficar por dentro de todas as dicas do blog? Pois então assine a nossa Newsletter semanal aqui. Receba gratuitamente e diretamente no seu e-mail o nosso conteúdo.

E para acompanhar nossas viagens e atividades siga a gente no Facebook, no Instagram, no  Twitter e no Pinterest.

Está pensando em fazer uma viagem internacional? Já sabe o destino? Pois veja a seguir o que o Blog Andarilho pode fazer por você!

Monte sua viagem com a gente

Conosco, é possível montar a sua viagem inteirinha sem sair de casa ou de onde estiver e com poucos cliques.

Além disso, fazendo suas reservas aqui pelos banners na lateral direita do blog ou pelos links a seguir você não pagará nada a mais por isso e ainda ajudará a manter o nosso trabalho.

Nossos parceiros foram escolhidos a dedo para lhe oferecer o melhor custo/benefício em suas viagens. Olha só!

Para procurar voos baratosacesse o Voopter  ou o Confira o Max Milhas e encontre tarifas que se encaixem no seu bolso. Eles reúnem várias ofertas de passagens em um só lugar!

Reserve seu hotel ou hostel pelo Booking clicando aqui e tenha uma estada com o melhor preço. Há várias opções com cancelamento grátis!

Seguro viagem com desconto? Nosso parceiro Segurospromo oferece mais de 10 seguradoras com planos e preços imbatíveis para você viajar protegido. Faça a sua cotação e garanta já seu desconto exclusivo.

Utilize o cupom “BLOGANDARILHO5”. Ele lhe dá direito a 5% de abatimento na compra do seguro de viagem e ainda é possível parcelar em até 10 vezes. Não viaje sem seguro. Evite perrengues!

Vai querer alugar um carro em seu destino? Então, compare preços e tenha o melhor atendimento com Rentcars.com. Alugue aqui um veículo pagando em até 12 parcelas, livre de IOF e com até 60% de desconto.

E se você já quiser chegar ao seu destino conectado sem pagar uma fortuna de roaming, aposte no EASYSIM4U (saiba como foi nossa experiência), chip com internet ilimitada em mais de 140 países. Compre aqui.

Sua viagem é para a Europa? Viaje de trem pelo Velho Mundo e deslumbre-se com as mais belas paisagens. Reserve agora seus trens com a RailEurope e garanta já a sua viagem!

Agora se você está a fim de navegar pelos 7 mares, veja os cruzeiros da nossa parceira Costa Cruzeiros. Há sempre novidades e promoções!

Está sem tempo, não se sente seguro, precisa de ajuda para organizar a sua viagem? Confira nosso serviço de consultoria para o viajante. Entre em contato e vamos conversar!

E se durante a sua viagem você tiver problemas como atrasos e cancelamentos de voos, extravio de bagagem, overbooking, entre outros, a gente também tem a solução: acesse o Ajudajus  e reclame seus direitos na justiça de forma prática, segura e online e receba sua indenização Veja como funciona.

E o melhor: você só paga se ganhar a causa. Quer reclamar os seus direitos? Acesse aqui e receba!

2 respostas
  • Luiz Fellipe
    Fevereiro 2, 2018

    Oi, Anchieta. Só para acrescentar ao seu excelente texto, minha cunhada foi embarcar para a Argentina com RG emitido pelo Exército (pai dela é milico) e não pôde embarcar. A alegação é que só aceitam (pelo menos na Argentina) RG emitida por orgão civil. Um abraço.

    • Anchieta Dantas Jr.
      Fevereiro 2, 2018

      Oi Luiz!

      Obrigado por sua visita e contribuição 🙂

      Volte sempre pois há sempre novas dicas por aqui. Se você puder assinar a nossa Newsletter melhor ainda! Uma vez por semana, você recebe no seu e-mail um resumo com links de tudo o que foi publicado no período. assim, você não perde nenhuma dica.

      E quando for planejar a sua viagem, agradeço demais se puder fazer suas reservas pelos banners e links de nossos parceiros aqui do site. Assim, você ajuda a manter o meu trabalho. E não se preocupe, pois não vai pagar nada a mais por isso.

      Abraços,

      Anchieta.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *