Companhias aéreas low cost: cuidados para o barato não sair caro

por

No post 28 companhias áreas baratas ao redor do mundo, como o próprio título informa, a gente dá dicas de empresas para voar pagando mais em conta nos países da América do Norte, Europa, África, Ásia e Oriente Médio. De fato, essas companhias surpreendem os viajantes com cada oferta de deixar qualquer um maluco, doido para arrumar a mala e embarcar.

Para nós, brasileiros, é possível, por exemplo, viajar entre os países europeus desembolsando menos de R$ 100 o trecho.

Para você ter uma ideia, eu voei de Lisboa para Manchester, pela Ryanair, pagando 24 euros o bilhete, ou seja R$ 91 no câmbio à época. Diga-me se não é tentador?

Porém, para garantir preços tão em conta, essas companhias aéreas se valem de estratégias para diminuir seus custos ao máximo e poder, segundo falam, repassar para o consumidor o preço anunciado.

No entanto, antes de passar o cartão de crédito a fim de aproveitar as ofertas segure a emoção e preste muita atenção a algumas pegadinhas para, no fim, o que sairia em conta, não custar caro!

Para começar, cuidado com os extras na hora da compra. É bom ficar claro que viajar de “low cost” não é o mesmo que embarcar em um voo comum.

Itens que costumam estar incluídos nos de outras companhias aéreas – direito a despachar uma mala, reservar assento ou tomar um simples copo de água durante a viagem – são cobrados à parte.

Até para ter prioridade de embarque se paga. E os preços não são nada baratos!

Para você ter uma ideia, despachar uma mala pode custar 80% do valor pago pelo bilhete. Nesse voo que fiz de Lisboa para Manchester, a Ryanair oferecia o serviço por 19 euros e a passagem custou 24 euros. E isso se eu contratasse o despacho da mala pela internet, porque se o fizesse no aeroporto custaria muito mais.

Já a marcação de assento, dependendo da localização na aeromave, valia de 5 a 9 euros, ou seja, entre 20% e 38% o valor do bilhete. Então já viu, né?

Bagagem

Há regras bem estritas em relação à bagagem de mão, caso você não for despachar. Em geral, é permitido levar uma bolsa ou mochila pequena e mais um volume por passageiro, com peso máximo que varia de 6 a 10 quilos e dimensões também pré-definidas pela companhia.

Isso quase sempre é conferido na hora de entrar no avião, com balanças e medidores na porta de embarque.

Se a mala não atender às exigências, eles a despacham sem dó nem piedade, e a tarifa pode ser o dobro do valor que você paga se optar pelo serviço no momento da reserva on-line.

Sem contar que algumas empresas, ao anunciar os preços, não adicionam ao valor da oferta, a taxa de embarque e os impostos locais, que variam muito de um país para outro. Esses extras podem duplicar, triplicar ou até mesmo quintuplicar o preço final da compra.

Extras

Fique atento ainda às armadilhas das vendas de produtos. Existem companhias aéreas que tentam empurrar ao cliente, na hora da aquisição, diversos itens de parceiros, como hospedagem no destino, aluguel de carro, transfers ou uma mala de mão do tamanho correto para voar com aquela empresa.

É fácil clicar sem querer em um deles ou esquecer de desmarcá-los. Existem empresas já deixam essas as opções selecionadas, cabendo ao viajante desmarcar. Portanto, atenção!

Check-in

Outra situação que costuma pegar muito viajante desavisado é deixar para fazer o check-in no aeroporto. As companhias low cost costumam cobrar pelo serviço.

Assim, o faça pela internet e imprima o cartão de embarque antes de sair de casa.

Atenção ao aeroporto de saída e destino

Leve em conta também o aeroporto de saída e de destino. Para baratear o preço dos voos, uma das medidas que as empresas aéreas low cost tomam é não usar os aeroportos principais e sim secundários, às vezes localizados em cidades vizinhas.

Por isso, ao comprar a passagem, vale observar de onde o voo sai. Em Paris e Barcelona, para se ter uma ideia, os aviões costumam utilizar aeroportos que ficam em torno de uma hora dessas cidades.

Quer outro exemplo? Em uma viagem recente que fiz pela Ryanair de Londres para a Lisboa a passagem aérea me custou 55 libras, mas como a base da empresa naquela cidade é o Aeroporto de Stansted, mais distante do centro, o deslocamento é feito de trem expresso ou ônibus.

Esse trem, em condições normais custa 19 libras o trecho, ou o equivalente a 35% do bilhete. A sorte é que eu comprei com meses de antecedência e paguei apenas 7 libras, mas, mesmo assim, valeu 13% do preço da passagem aérea.

Assim, para saber se vale a pena, some ao preço final da passagem aérea o valor do deslocamento, que em alguns casos pode sair mais caro do que o próprio bilhete.

Não esqueça também de checar se há transporte do aeroporto para o centro da cidade no horário da chegada ao destino e vice-versa.

Alterações na passagem

E mais: em geral, mudar a data ou o nome do passageiro não compensa, já que as taxas extras cobradas podem equivaler ao preço de um novo ticket.

Em suma, vale sempre comparar o valor final das passagens com o cobrado pelas companhias convencionais, que já incluem a maior parte dos extras citados.

E para conseguir preços realmente baixos, comprar o bilhete o quanto antes é a fundamental. Em geral, as companhias colocam as passagens à venda com cerca de um ano de antecedência.

Para mais dicas sobre passagens aéreas confira:

28 companhias aéreas baratas ao redor do mundo

Saiba quando é melhor comprar passagens aéreas

Monte sua viagem com a gente

Está pensando em viajar? Já escolheu o destino? Se dentro ou fora do Brasil? Veja o que o Blog Andarilho pode fazer por você. Conosco, é possível montar uma viagem inteirinha sem sair de casa e com poucos cliques. Olha só!

Fazendo suas reservas aqui pelos banners na lateral direita do blog ou pelos links a seguir você não paga nada a mais por isso, e ainda ajuda a manter a nossa página.

Nossos parceiros foram escolhidos a dedo para lhe oferecer o melhor custo/benefício em suas viagens.

Para procurar voos baratosacesse o Voopter  ou o Confira o Max Milhas e encontre tarifas que se encaixem no seu bolso. Eles reúnem várias ofertas de passagens em um só lugar!

Reserve seu hotel ou hostel pelo Booking clicando aqui e tenha uma estada com o melhor preço. Há várias opções com cancelamento grátis!

Seguro viagem com desconto? Nosso parceiro Segurospromo oferece mais de 10 seguradoras com planos e preços imbatíveis para você viajar protegido. Faça a sua cotação e garanta já seu desconto exclusivo.

Utilize o cupom “BLOGANDARILHO5”. Ele lhe dá direito a 5% de abatimento na compra do seguro de viagem. Não viaje sem seguro. Evite perrengues.

Vai querer alugar um carro em seu destino? Então, compare preços e tenha o melhor atendimento com Rentcars.com. Alugue aqui um veículo pagando em até 12X, livre de IOF e com até 60% de desconto.

E se você já quiser chegar ao seu destino conectado sem pagar uma fortuna de roaming, aposte no EASYSIM4U (saiba como foi nossa experiência), chip com internet ilimitada em mais de 140 países. Compre aqui.

Sua viagem é para a Europa? Viaje de trem pelo Velho Mundo e deslumbre-se com as mais belas paisagens. Reserve agora seus trens com a RailEurope e garanta já a sua viagem!

Agora se você está a fim de navegar pelos 7 mares, veja os cruzeiros da nossa parceira Costa Cruzeiros. Há sempre novidades e promoções!

Está sem tempo, não se sente seguro, precisa de ajuda para organizar a sua viagem? Confira nosso serviço de consultoria para o viajante. Entre em contato e vamos conversar!

E se durante a sua viagem você tiver problemas como atrasos e cancelamentos de voos, extravio de bagagem, overbooking, entre outros, a gente também tem a solução: acesse o Ajudajus  e reclame seus direitos na justiça de forma prática, segura e online e receba sua indenização Veja como funciona.

E o melhor: você só paga se ganhar a causa. Quer reclamar os seus direitos? Acesse aqui e receba!

 

Gostou desse post? Ele foi útil para você? Então, que tal compartilhar com seus amigos nas redes sociais? Os botões de compartilhamento estão no início e no fim do texto.

Sempre teve vontade de agradecer as dicas dadas pelo blog e não sabe como?

Veja aqui Como ajudar um blog que lhe ajuda a montar a sua viagem

E para acompanhar tudo que acontece no Blog Andarilho siga a gente no Facebook, no Instagram e no  Twitter e também não deixe de se cadastrar para receber a nossa Newsletter.

Sem comentários

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *