Como conhecer pessoas se você viaja sem companhia

por

Uma das questões que mais preocupa quem vai viajar sozinho, principalmente pela primeira vez, é achar que vai se sentir solitário pelo caminho. Porém, o que eu posso lhe dizer é que, a não ser que esta seja a sua opção (Sim, há quem viaje e queira estar apenas consigo mesmo), sem grande dificuldades, entre hotéis, hostels (albergues), passeios, refeições e deslocamentos, potenciais parceiros podem surgir, inclusive desacompanhados. Portanto, não há porque se preocupar se você vai viajar sem companhia.

Afirmo isso com muita propriedade, porque já se vão mais de dez anos pondo o pé na estrada, e em quase a totalidade das viagens, embarcando sem familiares ou amigos. A princípio, devo confessar que eu também sentia um certo receio em me sentir solitário, em não ter com quem conversar e dividir as descobertas. Mas a experiência me revelou o contrário.

Eu também nunca me deixei abater quando alguém chega e pergunta: “mas e quando você vê algo interessante e não tem com quem comentar, como se sente? Não seria tão bom se um amigo estivesse com você? E eu respondo: “Seria ótimo! Mas não é porque não vai ter ninguém pra viajar comigo que vou passar minhas férias dentro de casa ou vou deixar de conhecer um lugar por falta de companhia”.

Sem contar que hoje os viajantes solo têm uma grande aliada: a tecnologia. Com as redes sociais, a gente está praticamente o tempo todo conectado, então dá para mostrar em tempo real, por meio de fotos e vídeos, o local, o que vemos, comemos e até mesmo as pessoas ao nosso redor, recebendo na mesma hora muitas curtidas e comentários nas postagens. Portanto, a falta de interação não é mais um problema.

E junto como esta facilidade existem ainda algumas dicas infalíveis que podem ajudar a conhecer pessoas e arrumar companhia para passear e conversar enquanto viajamos sozinhos. Confira, a seguir, algumas delas e boa viagem!

1. Descubra pessoas que vão estar no mesmo destino

Consulte fóruns ou páginas que reúnem outros viajantes. Em português, o mochileiros.com é uma excelente ferramenta para encontrar pessoas que estejam pretendendo viajar para os mesmos lugares que você e quem sabe até na mesma época. Outra opção é o companheirosdeviagem.com. Em inglês, eu recomendaria o travel-buddies.com e o lonelyplanet.

2. Hospede-se em hostels

Neles, a possibilidade de socialização é bem maior. Diferentemente do ambiente frio das recepções de muitos hotéis, nos hostels, além de quartos compartilhados, as áreas comuns são bem bacanas e costumam reunir muitos viajantes, também desacompanhados, para troca de experiências.

Se sua opção de acomodação for um hostel, muitos deles planejam atividades para os hóspedes. Assim, antes de chegar ao destino, consulte na página destes estabelecimentos na internet para descobrir quando elas acontecem e procure fazer parte dessa turma;

Se possível, opte por quartos compartilhados. Dividir um dormitório é uma chance de conhecer gente para lhe acompanhar em algum passeio;

3. Participe de atividade coletivas

Pergunte se existe algum tipo de tour disponível na recepção do hostel ou até mesmo do hotel onde se hospedar. Esta é a chance de passar algumas horas do dia com mais pessoas e até pedir que façam fotos suas. Novos amigos também podem surgir.

Ingresse nos walking tours. Neste tipo de excursão, presente em praticamente todos os grandes centros do mundo, guias levam grupos de turistas por um passeio a pé pelas pontos turísticos de uma cidade. No final do tour cada participante paga o quanto acredita que valeu o passeio. A rede Sandemans oferece tours em 18 cidades entre Europa, Estados Unidos e Oriente Médio. O serviço também pode ser encontrado no Rio de Janeiro  e São Paulo.

E que tal embarcar em um pub crawl? Comum na maioria dos principais destinos turísticos urbanos do mundo, neste tipo de atividade um guia também forma um grupo para sair rodando a pé, sendo que pelos bares e baladas da cidade.

Há também o Party with a local, site que lhe coloca em contato moradores da cidade dispostos a te levar para festejar com ele e seus amigos.

4. Experimente o Couchsurfing

Outra opção interessante é utilizar o CouchSurfing, uma comunidade na internet que além de lhe ajudar conseguir um lugar para dormir em outra cidade ou país sem pagar nada, dá a chance de conhecer um habitante local, nem que seja apenas para passear.

5. Costume levar livros para ler

Mais do que ocupar o seu tempo, estes acabam por despertar a curiosidade de outros viajantes e dão início a excelentes conversas.

6. Procure fazer uma refeição com moradores locais

Há vários sites legais para você agendar um almoço ou jantar com um anfitrião nativo. Em alguns, a refeição caseira tem um preço combinado, já em outros, a comida é gratuita. Saiba mais em Dinneer, Meal Sharin,  EatWit, Eat Feastly  Eat With A Local .

7. Se avistar outro viajante sozinho puxe conversa,

Não só bata um papo, mas ajude se ele precisar. Um simples ato de cortesia e simpatia pode lhe render novas amizades.

8. Acione parentes e amigos

Procure saber se existem parentes, mesmo distantes, nos lugares que pretende visitar, ou ainda amigos de amigos. Entre em contato e peça para que lhe mostrem a cidade, ou convide para almoçar ou jantar com você.

9. Mostre de onde você é

Uma vez no exterior, use algum acessório (camisetas, chaveiros, toalhas, bandeiras etc) que remetam ao Brasil ou ao seu país de origem. É um forte atrativo para descobrir outros viajantes da mesma nacionalidade no meio da multidão e também arrumar companhia.

10. Tente os apps de relacionamento

Aplicativos como o Tinder e o Grindr (este específico para a turma gay), também podem ajudar. Antes de marcar qualquer encontro, deixe claro que o seu interesse é apenas conhecer pessoas do lugar para passear, seu quem estiver do outro lado da tela topar pode ser a chance de fazer amigos.

11. Não fique enfurnado no seu computador ou celular

Se você não estiver aberto para conhecer outras pessoas, elas não virão falar com você.

12. Cuidado com preconceitos

O que você pensa sobre determinado país ou cultura pode não ser verdade. Além disso, esteja atento sobre o que fiz sobre o lugar. Ouça mais e faça mais perguntas sobre o país da pessoa do que declarar a sua opinião. Assim as chances de fazer novos amigos aumenta.

13. Não faça tantos planos e seja flexível

Se você for totalmente restrito aos seus itinerário e não tiver tempo livre para dar uma volta com as pessoas que acabou de conhecer, certamente vai seguir a sua agenda à risca, porém sozinho.

15. Crie um blog para relatar a sua viagem

Seus amigos e familiares podem lhe seguir, acompanhando suas aventuras. Compartilhe também com quem você encontra pelo caminho;

16. Mantenha sempre um sorriso no rosto

Precisa dizer mais?

 

Vai viajar sozinho? Leia também:

22 dicas valiosas para quem vai viajar sozinho

Escolhendo um lugar para viajar sozinho

Os 10 melhores países para mulheres viajarem sozinhas

14 passos para uma viagem bem-sucedida

 

É isso! Se você souber de mais alguma dica para conhecer pessoas se viaja sem companhia, por favor, compartilhe com a gente aí nos comentários.

Gostou desse post? Que tal compartilhar com seus amigos nas redes sociais? os botões de compartilhamento estão no início e no fim do texto.

E para acompanhar tudo que acontece no Blog Andarilho siga a gente no Facebook, no Instagram e no Twitter e também não deixe de se cadastrar para receber a nossa Newsletter.

Sem comentários

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *